Castello di Monteriggioni

Monteriggioni_2013-09-02_13h42m52

O Castelo de Monteriggioni fica bem próximo a Siena; apenas 20 km de carro.  Prepare a câmera porque, de repente, ela surge no final de uma curva qualquer e sua imponência evoca um sentimento de profundo respeito. Eu não consegui me mexer, admirada da imagem impressionante! Quando peguei a câmera, já estava perto demais!

Monteriggioni_2013-09-02_15h24m18

Diz-se que a fortaleza medieval foi construída para proteger Siena de invasões fiorentinas e que, com seus muros construídos com gigantescos blocos de pedra e reforçados por 14 torres, tornou-se invencível à época das batalhas entre Siena e Florença. Depois, bem depois, tornou-se independente de Siena, mas nunca perdeu a configuração original, o espírito medieval.

Monteriggioni_2013-09-02_15h10m36

A imagem de cima mostra claramente os seus limites. Veja como é pequeno o belo Castello de Monteriggioni! Parece uma coroa. Talvez por isso seja considerado um Castello… Pura especulação de minha parte, gente.

 Dante Alighieri foi um de seus primeiros visitantes ilustres e a viu no auge de uma batalha. Então, posteriormente, ele descreveu os seus muros como as muralhas do inferno, eternizando Monteriggioni no seu livro Inferno, da Divina Comédia onde a usa como alegoria para denominar o abismo mais profundo do mundo.

Monteriggioni_2013-09-02_13h41m04

É possível passear sobre os muros, percorrendo as 14 torres.  O ingresso é barato, acho que coisa de 1 a 2 euros e,  quem quiser, pode pedir um guia (não sei quanto custa) que vai contando toda a história do Castello. Na verdade nem pensamos em fazer isso, porque o calor do verão toscano estava bem reforçado por um sol escaldante. Era por volta do meio-dia! Hum… Dante tinha razão! As muralhas pareciam arder em fogo naquele momento… Preferimos almoçar no Ristorante da Remo que fica ali num canto da Piazza Roma.

Monteriggioni_2013-09-02_13h28m52

Já dentro do restaurante, sentamo-nos numa varanda muito agradável onde degustamos um belo Chianti Clássico e almoçamos.

Monteriggioni_2013-09-02_13h59m20

Depois saímos passeando pelas sombras dos jardins escondidinhos nas poucas ruas…

Monteriggioni_2013-09-02_14h48m14 Monteriggioni_2013-09-02_15h01m10

… tomamos um bom gelato, coisas menos radicais que desbravar os muros de Dante.

Monteriggioni_2013-09-02_14h57m48

A visita à Monteriggioni pode ser rápida, pois é um lugarejo bem pequeno mesmo. Uma bela praça, a Piazza Roma; uma igreja no estilo romano muito modesta e, talvez por isso, muito pitoresca, a Igreja Santa Maria Assunta…

… um ou outro hotel; o Hotel Monteriggioni, praticamente na Piazza Roma, parece uma boa opção para quem quer explorar a Toscana; alguns restaurantes e lojas especializadas em produtos artesanais da região,

Monteriggioni_2013-09-02_13h33m08

… como vinhos, inclusive os lá produzidos, que levam o nome do castelo,

Monteriggioni_2013-09-02_15h08m18

… umas poucas casas muito charmosas.

Monteriggioni_2013-09-02_15h01m28

Ainda assim nós gastamos um bom tempo por lá… Hoje, lembrando-me da nossa visita, tenho a sensação de que ao entrar em suas muralhas a gente para no tempo, perde a pressa.

 

“Sobre o muro arredondado, Monteriggioni é coroada por torres, então na margem infernal que o fosso circunda, guerreavam os terríveis gigantes, apenas com a metade de seu corpo encouraçado“.

Dante Alighieri, Inferno canto XXXI, vv. 40-45

 

Mais fotos de Monteriggioni:

  • Monteriggioni_2013-09-02_13h40m32 Monteriggioni_2013-09-02_13h40m32
  • Monteriggioni_2013-09-02_13h41m22 Monteriggioni_2013-09-02_13h41m22
  • Monteriggioni_2013-09-02_13h55m34 Monteriggioni_2013-09-02_13h55m34
  • Monteriggioni_2013-09-02_15h07m54 Monteriggioni_2013-09-02_15h07m54
  • Monteriggioni_2013-09-02_15h09m00 Monteriggioni_2013-09-02_15h09m00
  • Monteriggioni_2013-09-02_15h13m32 Monteriggioni_2013-09-02_15h13m32
  • Monteriggioni_2013-09-02_15h17m18 Monteriggioni_2013-09-02_15h17m18
  • Monteriggioni_2013-09-02_13h56m44 Monteriggioni_2013-09-02_13h56m44
  • Monteriggioni_2013-09-02_15h01m10 Monteriggioni_2013-09-02_15h01m10

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*