Estrada Real – Mariana

27/09/2009

Chegamos a Mariana na hora do almoço. Na praça principal, encontramos o Rancho Restaurante! Comida mineira, claro, feita no fogão à lenha, sistema self-service. Muito saborosa!

Na saída, encontramos motociclistas da cidade interessados na moto (que era mesmo linda!) e curiosos a respeito de nossa viagem.

 Trocamos umas ideias e seguimos passeando por lugares tradicionais na cidade.

Coladinhas em Mariana, já na estrada que leva a Ouro Preto encontramos as Minas de Ouro da Passagem. Elas entraram em atividade no Ciclo do Ouro e hoje, desativadas, são a maior mina de ouro aberta à visitação pública no mundo. Uma bela experiência para nós.

A visita é paga. Não me lembro o valor. Funciona às segundas e terças de 9h às 17h e de quarta a domingo de 9h às 17h30. Um carrinho leva os visitantes pelos trilhos de onde saía o ouro, descendo a 120m de profundidade.

Lá em baixo, várias galerias iluminadas em penumbra, um lago natural enorme e uma temperatura deliciosa, constante em qualquer época do ano. Nesse dia, o calor era enlouquecedor…  As galerias fresquinhas foram um alívio tão grande que eu queria ficar lá para sempre!

Ao lado da mina, pitoresca e bela paisagem mineira.

Existem lugares onde tudo tem início, nos quais homens fixam raízes e começam a escrever uma história. Transformam o mundo e também a si mesmos. O Estado de Minas Gerais, como o conhecemos hoje, nasceu às margens de um formoso ribeirão, em uma cidade com vocação para o fascínio e para o poder. Mariana, a primeira capital de Minas, é um desses lugares, onde tudo começou… leia mais aqui.

 

2 comentários sobre “Estrada Real – Mariana

  1. É o amorrr, a aventura e a maturidade também – comendo em self e acho tudo de bom?! Quem é essa Erika?! Cadê a minha amiga fresquinha, que não suportava comida de self “aqueles cheiros todos misturados…”
    Será que eu podia falar isso aqui?… Xiii.
    Adorei! Como sempre. Só acho que escreveu pouco dessa vez. Em compensação mais fotos e lindas.
    Amiga, eu não tinha coragem de descer naquela mina velha, que medo!

    • Amiga!!! Você não é a única estranhando minha nova “performance”… Eu estou adorando! A vida é muito melhor sem frescuras! 🙂
      A mina é segura! Foi uma delícia descer lá!
      Beijos!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*